Segunda, 15 de Julho de 2024
19°C 34°C
Teresina, PI
Publicidade

Não caia em golpe: falsários tentam extorquir beneficiários de BPC  

Mais um golpe descoberto! E, desta vez, contra pessoas elegíveis ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) à pessoa idosa, um benefício da assistência social, administrado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)

04/07/2024 às 13h20
Por: Lucyanna Nunes
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução


Mais um golpe descoberto! E, desta vez, contra pessoas elegíveis ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) à pessoa idosa, um benefício da assistência social, administrado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A denúncia foi realizada por um servidor do Serviço Social, no Estado do Rio de Janeiro. E como funciona? Idosos recebem SMS ou mensagem de WhatsApp dizendo que já possuem direito a este benefício. No entanto, essas pessoas não deram entrada no pedido no INSS. Com dia, hora e local marcados por meio da mensagem o falsário apresenta um boleto de cobrança pelo "serviço" prestado.

 
Neste caso específico, o intermediário deu entrada no BPC do idoso e se cadastrou como seu procurador. Como esse tipo de benefício é concedido de forma administrativa, não há necessidade de perícia médica, basta que a pessoa esteja inscrita no cadastro Único (CadÚnico) do governo federal, tenha 65 anos de idade e comprove baixa renda. O caso somente foi descoberto porque um idoso compareceu ao serviço de “socialização de informações” do Serviço Social do INSS realizado em uma agência no Norte-Fluminense. 

 
No atendimento, ele informou que havia recebido mensagens com informações referentes a liberação de seu pagamento junto ao órgão bancário de referência; tudo isso incluindo boleto com valor dos "serviços" a serem pagos ao dito intermediário.

 
"Pelo cadastro desse segurado no CNIS foi identificado o registro de um e-mail e um número de telefone que o próprio segurado não reconhecia", afirma o servidor, mantido sob anonimato. Na pesquisa, o servidor constatou que vários procuradores foram cadastrados nesta mesma solicitação de BPC.

 
Um ponto a destacar: o Benefício de Prestação Continuada (BPC) é destinado a pessoas idosas com mais de 65 anos e pessoas com deficiência de qualquer idade, desde que comprovem baixa renda. O valor do benefício corresponde a R$ 1.412. 

 
Na mensagem enviada ao segurado, o intermediário marca dia, hora e local para o recebimento do benefício. Por questões de segurança e sigilo da investigação – já encaminhada à Polícia Federal – todos os nomes e endereços foram preservados.

 
Confira a mensagem

 
Prezado(a) FULANO DE TAL, tudo bem?

 
Sou sicrano representante do financeiro da NOME DA EMPRESA.

O seu benefício está liberado para recebimento no dia (02.07.2024 às 09:30).

Necessito que compareça ao banco na data e horário acima com os seguintes documentos:

 
DOCUMENTOS NECESSÁRIOS:

- RG

- CPF

- Comprovante de residência

ENDEREÇO DO BANCO

Banco: ITAÚ

Endereço: XXXXXX, Nº X - Campos dos Goytacazes - RJ

DADOS FINANCEIROS

Valor liberado pelo INSS: R$ 895,00

Valor do escritório: R$ 423,60

BOLETO PARA PAGAMENTO DOS HONORÁRIOS DO ESCRITÓRIO

Será encaminhado um boleto após todas as confirmações.

PEÇO QUE LEIA TUDO COM ATENÇÃO E ME CONFIRME SE ESTÁ TUDO CERTO, PARA QUE EU POSSA GERAR O BOLETO. QUALQUER DÚVIDA ESTOU À DISPOSIÇÃO. RESPONDEREI DE VOLTA ASSIM QUE POSSÍVEL.

 
Outras tentativas de golpe

 
Outros golpes identificados pelo INSS, desta vez contra aposentados e pensionistas, trata de engenharia social para conseguir ter acesso aos dados pessoais dos segurados usando como isca a Prova de Vida, que está suspensa até o final deste ano. As abordagens, além de realizadas por carta, e-mail, telefonema ou mensagem de celular (WhatsApp ou SMS), agora também são presenciais. Falsários criaram um "uniforme" com a logomarca do INSS e estão abordando aposentados e pensionistas. Em todos os casos: não forneça seus dados pessoais, fotos, documentos e não clique em links enviados por mensagem de SMS ou de WhatsApp.

 
Em todos os contatos, os golpistas solicitam dados pessoais e fotos de documentos para que não ocorra um suposto “bloqueio no pagamento”. Em alguns casos, chegam a enviar links para que o segurado realize a biometria facial. A pessoa que fala é muito segura e pode até passar algum dado do segurado com a intenção de dissimular a farsa.

 
O INSS alerta a todos para que, caso recebam esse tipo de ligação, mensagem ou visita, não forneçam nenhuma informação. Se a abordagem for por mensagem de texto, bloqueie o número de telefone. O INSS não faz contato por telefone para procedimento de prova de vida nem manda links por mensagem para a realização de biometria facial.

 
Fique alerta às dicas

 
O INSS nunca entra em contato direto com a pessoa para solicitar dados, nem pede o envio de fotos de documentos por e-mail, WhatsApp ou outros canais de mensagem.

O canal digital oficial para envio de documentos é o Meu INSS (site gov.br/meuinss ou aplicativo para celular). O segurado jamais deve enviar documentos por e-mail.

O número do SMS usado pelo INSS para informar os cidadãos é 280-41. O INSS nunca manda links. Apenas informa sobre o andamento dos processos no Meu INSS.

A biometria facial é feita exclusivamente pelo aplicativo gov.br.

Sempre que o INSS convoca o cidadão para apresentar documentos, essa convocação fica registrada no Meu INSS e também pode ser verificada pelo telefone 135.

A pessoa deve utilizar apenas os canais oficiais de atendimento para cumprir qualquer solicitação do INSS, seja para agendar um serviço, para entregar algum documento: aplicativo/site Meu INSS ou Agência da Previdência Social (com agendamento).

Quando alguém liga para o telefone 135, o atendente pode pedir algumas informações. Esse é um procedimento de segurança para confirmar a identidade de quem telefonou.

Mantenham seus dados de contato atualizados, como telefone, e-mail e endereço. Isso deve ser feito pelo Meu INSS ou pelo telefone 135.

 
Martha Imenes/Ascom

 
Fonte: INSS

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,44 +0,26%
Euro
R$ 5,93 +0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,03%
Bitcoin
R$ 367,613,93 +10,62%
Ibovespa
129,320,96 pts 0.33%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias